quinta-feira, 3 de março de 2016

O ZOO - James Pizarro (3/3/2016)

COLUNISTAS

O Zoo

James Pizarro
por James Pizarro em 03/03/2016
Compartilhar:
Mais opções
Pois minha amizade com o Pedro Mauá Duarte Pinto Freire Jr - conhecido tão somente por Freire Jr - durou coisa de meio século. Desde os tempos gloriosos do mais famoso bar/restaurante que teve Santa Maria nas décadas de 60/70: o saudoso Moby Dick! Depois das minhas aulas na UFSM e cursinho pré-vestibular (e ele,depois do trabalho na Câmara de Vereadores ou dos ensaios no teatro), nos reuníamos todas as noites nesse bar/restaurante para comer o famoso bife à milanesa do Claúdio e tomar chope. E ali ficávamos a discutir poesia, teatro, declamar, recitar, discutir política.
Foi ali que, sob a liderança do Freire, se formou o GVC-Grupo de Vanguarda Cultural, formado pelo Tarso Genro (ex-Ministro da Justiça e ex-governador, hoje morando no RJ), João Nascimento (funcionário da Câmara de Vereadores, ex-vereador e hoje advogado em Porto Alegre), Tasso Trevisan (médico psiquiatra, recentemente falecido, filho do pintor Eduardo Trevisan), Dartagnan Agostini (engenheiro civil em Santa Maria), James Pizarro (professor de cursinho,estudante de Agronomia e hoje professor universitário aposentado), Eliezer Pacheco (historiador e político estudantil), Zuil Pujol (hoje médico cardiologista em Livramento, RS), Luiz Entges (estudante de Direito, cujo destino perdi de vista), Carlos Alberto Robinson ( estudante de Direito, hoje advogado em Porto Alegre), Adalberto Villa Real (estudante de Direito, hoje promotor público aposentado em Florianópolis), Antoninho Sineide Costa (já falecido, por várias legislaturas vereador em Santa Maria), etc...
Em 2006, eu e o Freire planejamos ensaiar e apresentar uma peça de teatro famosa, chamada “O Zoológico”. Apenas dois atores, que fazem o papel de dois homossexuais. A peça tem um ato só, de 70 minutos, com os dois sentados num banco de praça, à noite, conversando. Peça de autoria do Edward Albee. Chamada abreviadamente de “O Zoo”. Chegamos a ler juntos o texto várias vezes. Freire, às gargalhadas, me dizia: “Vai ser o maior sucesso teatral de S. Maria...e também um escândalo, eu uma bicha velha e histérica e tu fazendo o papel duma bicha gorda e escandalosa !”. Infelizmente, Freire faleceu em 2007, vítima de complicações pulmonares advindas do tabagismo. Nas vésperas de levar à cena sua peça de número 100, deixou a cidade culturalmente mais pobre. E os amigos íntimos aflitos. Saudosos. E melancólicos.
Assim é que - até hoje - guardo na alma este desejo não realizado. O de ser ator amador. Junto com meu querido amigo Freite Junior. Em pleno Teatro 13 de maio. Certamente para uma plateia escandalizada. Ou não. Jamais saberei se teria dado certo...
James Pizarro

Nenhum comentário: