sexta-feira, 1 de agosto de 2008

AOS FISIOTERAPEUTAS E SUAS MÃOS MÁGICAS


Registro aqui, usando este lindo poema de Ronaldo Cunha Lima, minha homenagem aos fisioterapeutas em geral...e em particular a duas fisioterapeutas : minha filha Cristina Pizarro e minha amiga Paola Soares.
****************************************************************
As Mãos do Fisioterapeuta


"Mãos que entendem e se estendem nos labores,
Silenciosas mãos de mil cansaços,
Que em contatos contidos, feito abraços,
Se enlaçam em lenitivo a tantas dores.
Mãos que acalmam, diante dos temores,
Calando o medo dos primeiros passos,
Correndo, prescientes, pernas, braços,
Que anseiam laços pelos seus favores.
São mãos que aos céus ascendem nos desvelos,
As mãos profissionais cheias de zelos
Que animam o amanhã nos dias seus.
Mãos mágicas, que à luz de um hermeneuta,
Refletem as mãos do fisioterapeuta,
Firmes na fé que vem das mãos de Deus."

(Ronaldo Cunha Lima)

Um comentário:

Paola Soares disse...

Amei o texto.
Creio que o último verso expressa bem o motivo pelo qual não desistimos de nossa profissão diante das dificuldades.
Amo Fisioterapia.
Obrigada pela homenagem!

Bjo