quinta-feira, 5 de julho de 2012

TAINHAS x SURFISTAS - James Pizarro

Surfistas foram proibidos de praticar sua atividade em grande número de praias de Santa Catarina, ficando liberadas apenas as praias Mole e Joaquina. A proibição será mantida até final do mês de julho. A proibição é fruto de uma reunião entre  a federação dos pescadores e a federação dos surfistas. Estranhamente, a prefeitura municipal de Florianópolis e o IBAMA não fizeram parte dessa reunião.

Opinião dos pescadores : a prática do surfe espanta os cardumes de tainhas e cerca de 8000 pescadores de Florianópolis ficam prejudicados, porque se alimentam do mar e sobrevivem da venda de peixe.

Opinião dos surfistas : negam que o movimento de surfistas prejudiquem os cardumes, escolas de surfistas se sentem prejudicadas porque perdem seus alunos, há prejuízos para o comércio e para o turismo.

Com quem está a razão ?

Um comentário:

O Corsário disse...

ESSA HISTORIA DE SURFISTA ESPANTAR TAINHA É HISTÓRIA DE PESCADOR,CANSEI DE MERGULHAR EM COSTÕES CHEIOS DE TAINHAS E ELAS NÃO SE ESPANTAM,AO CONTRÁRIO,CHEGAM MAIS PERTO DA GENTE.O QUE ACONTECE É QUE PESCADOR DE BEIRA DE PRAIA ACHA QUE A PRAIA É SÓ DELE E OUTRA,O FRACASSO DA SAFRA TEM POR CULPADOS SÓ ELES MESMOS,NO NOSSO LITORAL SÃO MILES DE REDES,FEITICEIRAS,TRAINEIRAS,PARELHAS DE ARRASTO,SEM FALAR NA VENDA DAS OVAS E PEIXES OVADOS,QUALQUER ANENCÉFALO SABE QUE MATANDO OS FILHOTES,EM BREVE, NÃO HAVERÁ MAIS ADULTOS,LEMBRO DO TEMPO DAS GRANDES REDADAS(LANÇOS)QUE FILHOTES ERAM ENTERRADOS AOS MONTES NA BEIRA DA PRAIA,INCLUSIVE COM RETRO-ESCAVADEIRAS,AGORA NÃO ADIANTA CHORAR OU BOTAR A CULPA EM OUTROS.