sábado, 28 de agosto de 2010

CENA NO "CHE CAFÉ"

Levou a vida toda de terno e gravata. E sempre odiou isso. Aposentou-se.
Veio para a praia de Canasvieiras em busca da simplicidade total. Onde anda de bermuda, chinelo e camiseta.

Às 10 horas compra seus dois jornais preferidos na banca do Juarez. E vai para o "Che Café" tomar seu tradicional café preto. Servido pela Sandra ou Vorlei, irmãos gaúchos. Ou pela paranaense Elis. Café forte, moído na hora, ao melhor gosto argentino.

Excepcionalmente, naquela quinta-feira, estava de sapato social, meia, camisa nova. Um dos clientes, surpreso com a nova indumentária do aposentado, lhe faz esta observação preconceituosa :

"- Finalmente, bem arrumado...bem vestido, como um homem, um gaúcho que se preza..."

O velho aposentado ignorou a observação. Mas a gaúcha Sandra, espirituosa e rápida nas respostas, falou :

"- Ué, por ser gaúcho tem agora de andar com uma espora enfiada no cu ?"

O aposentado sorriu, satisfeito. Pagou o cafezinho.

E foi embora em silêncio.

*******************************
AUTOR : James Pizarro

Um comentário:

JAMES PIZARRO disse...

RECEBIDA POR E-MAIL
***************************
From: Neusa Moura
Sent: Monday, August 30, 2010 8:03 PM
To: James Pizarro
Subject: RE: DUAS CRÔNICAS DO PROF. JAMES PIZARRO


Pizarro

Canasvieiras sem você não é Canasvieiras. Adorei as duas crônicas.
Um abraço
NEUSA